Magnetismo e saúde

Foi o cientista Albert Gauss que, no século XIX criou a tabela que relaciona a quantidade de magnetismo com a saúde. Todos nós deveríamos ter pelo menos 700 a 750 Gauss para que se esteja realmente bem de saúde. No entanto, com a diminuição do campo magnético terrestre, verifica-se que em média, o ser humano possui um défice de pelo menos 200 Gauss. Quando o magnestismo na pessoa se encontra abaixo de 300 Gauss o risco de doença é bastante elevado.

Essa escassez magnética é também agravada pelo elevado número de construções de cimento e ferro que existem no mundo de hoje. Estas isolam as pessoas do contato mais direto com a força magnética. O resultado é a diminuição do magnetismo no ser humano, o que exercerá profunda influência sobre a sua saúde e até mesmo sobre o seu estado de ânimo. Uma das formas de evidenciarmos o efeito que a diminuição do campo magnético exerce sobre nós, é observarmos o que acontecia aos astronautas quando íam para o espaço.
Uma vez fora do raio de ação do campo magnético terrestre, os astronautas tinham que enfrentar vários problemas, como tonturas, espasmos musculares e sobretudo, osteoporose, provocada pela alteração grave do metabolismo, do cálcio e perda de massa óssea. Os primeiros astronautas perdiam cerca de 80% da densidade dos seus ossos. As naves espaciais actuais possuem geradores de campo magnético que eliminam esses problemas. O sistema cardiovascular e o sistema imunológico são os mais afetados pela diminuição do magnetismo.

Sinais clínicos associados:

• Dores nas costas, ombros e nuca
• Insónicas
• Constipações constantes
• Alterações na tensão arterial
• Alterações digestivas, neurológicas e circulatórias

O Magnetismo atua sobre o corpo humano gerando um novo tipo de electricidade, a indução electromagnética, capaz de ionizar o sangue, activando deste modo a circulação sanguínea, contribuindo para a melhor oxigenação das células e principalmente melhorando o funcionamento do sistema nervoso. As ondas magnéticas produzem um aumento do aporte de oxigénio tecidual através da magnetização da apoferrina das hemácias (metal de ferro, constituinte da hemoglobina, existente nos glóbulos vermelhos), aumentando muito o metabolismo envolvido nas cicatrizações e nos processos de regeneração.

Em contato com o organismo, a terapia magnética:

• Aumenta a ionização do sangue
• Melhora a circulação sanguínea
• Descontrai os nervos
• Relaxa os músculos
• Diminui a tensão nervosa
• Ajuda a eliminar a energia estática

Fonte: http://www.naturconfort.com/
Adilson Silva
Técnico de mecânica de precisão

Eletroimãs – Ital Produtos Indústriais – www.italpro.com.br

7 ideias sobre “Magnetismo e saúde

  1. Sobre a matéria MAGNETISMO E A SAÚDE; Existe algum tipo de máquina, disposito ou equipamento , para aumentar o campo magnético do ser humano, segundo ou baseado no sistema Gauss? Se existe onde podemos adquirir? Obrigado. Alan.

    • Caro Alan, hoje no mercado o que há de mais moderno e que funcionada maravilhosamente são os colchões magnetizados. Que além de ter os magnetos que tira o excesso de energia energia que acumulamos dos equipamentos eletroletrônicos nos propicia outras terapias. Você precisa conhecer os colcho~es magneticos da Nipponflex. É a única empresa no mercado que tem autorização da ANVISA e tem o selo do IMETRO.
      Eu estou usando há dois meses e eu estava literalmente entrevada, com muitas dores muscular, nas juntas e tinha a tal da artrose. Dormia com dor e acordava com mais dor. Estava pedindo pra morrer. Hoje tenho uma vida com bastante vigor, sem dor e com alegria de viver.
      Vale apena conhecer. É uma queipamento que não vende em loja, é só por distribuidores autorizados. Mas entre no site e vá no you tube e veja que maravilha. Existe muitas outras marcas, mas a NIPPONFLEX É ÚNICA!!!

  2. Bom dia, baseado na mátéria MAGNETISMO E SAÚDE ; Existe alguma máquina, dispositivo ou equipamento, para o aumento do magnetismo no ser humano, como por base nos fundamentos de Gauss. Se há, onde podemos adquirir? Obrigado. Alan.

  3. Allan,

    Li sua pergunta e acredito que a forma mais rápida de você obter saúde com o magnetismo, e você adquirir um aparelho SYLOCIMOL, tecnologia brasileira que está revolucionando o tratamento alternativo, pois atravez de um imã podemos “magnetizar”a água, na realidade fazer uma orientação ionica nas moléculas da água (H20) que alem de melhor relacionar-se com as moléculas de calcio e potácio, vai associar-se com o oxigénio (-) formador dos radicais livres tornando-os em novas moléculas de água , promovendo assim uma desintoxicação do organismo e atenuando mais de 140 tipos de doenças. Entre em contato e te enviarei mais informações.

  4. Visto que os fogões de induções funciona com magnetismo será que trazem algum beneficio para o saúde ou será que pode trazer problemas de saúde?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>